Xande de Pilares, sobre Carnaval de 2022: ‘Tem que priorizar a saúde’

Em todo o Brasil, festas e desfiles de Carnaval estão sendo adiadas ou canceladas em decorrência do agravamento da pandemia da Covid-19. E para o cantor e compositor Xande de Pilares, embora a decisão não seja a mais empolgante, é “o melhor a fazer”.

“Eu sou a favor da preservação da saúde. É melhor entrar na avenida com saúde do que com dúvida”, disse Xande durante participação no Churrascão do Faustão, na edição desta sexta-feira (28) do Faustão na Band.

“Se for para o bem-estar do sambista, para ajudar a escola, eu acho que é o melhor a fazer”, acrescentou.

Xande contou que, ao longo de dois anos de pandemia, tem se dedicado a fazer música, inclusive como forma de se distrair. Ao longo de 26 anos de carreira, são cerca de 1,3 mil composições.

“Durante a pandemia, eu sou muito viciado em fazer música. A música é alegria, a gente está sempre buscando um jeito de seguir em frente”, disse.

Entre as várias composições de Xande está Tá escrito, lançada em 2009. A música – um trabalho em parceria com Carlos Rodrigues e Gilson Bernini – foi inspirada ainda na infância, segundo contou o próprio cantor.

“Teve um tempo da minha infância que eu estava de recuperação na escola, e foi um desespero. Eu parei numa loja de discos em que estava tocando Gonzaguinha, e aquela música entrou no meu coração com força. Através dessa música, eu passei de ano, alcancei meu objetivo e pensei se um dia eu iria conseguir fazer uma música que causasse o que aquela música do Gonzaguinha me causou”, lembra.

Nos últimos anos, Xande também entrou nas disputas para compor sambas-enredo. Assim, ajudou a escrever Gaia – A vida em nossas mãos (Salgueiro, 2014), O Eldorado Submerso: Delírio Tupi-Parintintin (Unidos de Padre Miguel, 2018) e Sankofá (Vai-Vai, 2022).

Torcedor do Salgueiro, Xande é só alegria com as composições. “Eu tive a oportunidade de ganhar meu primeiro samba-enredo na minha escola do coração. Fizemos um carnaval maravilhoso, fui estandarte de ouro já no primeiro samba, só não ganharmos o Carnaval porque a Tijuca roubou a cena”, recordou.

Sobre o ‘Faustão na Band’
O novo programa de Fausto Silva na Band, com co-apresentação de Anne Lottermann e João Guilherme Silva, é exibido de segunda a sexta-feira, sempre às 20h30, logo após o ‘Jornal da Band’.

A cada dia, o apresentador entra nas casas brasileiras com um quadro diferente – confira a programação aqui. Musicais, revelação de talentos, homenagens e muita diversão completam as atrações de ‘Faustão na Band’.

Assista também pelo site, app BandPlay e YouTube. Não perca!

Fonte: Band.