Giovani diz ter tido “apagão” em acidente de carro: “Estou tentando entender”

Após sofrer um acidente de carro na manhã deste sábado, 31, na Rodovia Presidente Dutra, em Arujá (SP), o cantor Giovani, da dupla com Gian, deu detalhes do que aconteceu em entrevista ao Brasil Urgente, da Band. O sertanejo diz não lembrar do que aconteceu e afirma ter tido um “apagão” ao volante.

“Até agora estou tentando entender. Na verdade, a gente tinha um evento marcado em Cuiabá e eu tinha um voo às 9h da manhã. Saí de casa por volta das 6h e me recordo que passei a entrada do aeroporto e de repente me deu um apagão, não vi o que aconteceu”, explicou.

O acidente, que não teve vítimas, foi presenciado por sua esposa, Ana Carolina, que sentiu o carro capotar duas vezes e ser arrastado por mais de 100 metros. “Ele arrastou fazendo um barulho tipo de avião aterrissando, sabe? Eu só pensava nele, aquele silêncio. Quando acabou, eu só perguntava: ‘Amor, você está vivo? Você está bem?’ ele não me respondia, parece que teve um desmaio, não entendi direito.”

Quando recuperou a consciência, tudo o que o cantor lembra é de ter sido socorrido por uma família que passava pelo local e de estar preocupado com Ana. “Logo consegui sair do carro, saí andando e saí bem.”

Por pouco o casal não caiu em uma ribanceira próxima ao local do acidente. Um livramento que os dois jamais vão esquecer. “Foi horrível. Parecia que eu estava em um filme e ao mesmo tempo sonhando. Parecia que eu não estava vivendo aquilo. O que mais me assustou foi o carro arrastar por tantos metros. Ele arrastou perto de uma ribanceira e um guarda, que ajudou a nos socorrer, disse que já presenciou casos em que as pessoas caíram e não saíram vivas. Foi Deus que nos trouxe de volta à vida”, garantiu Ana.

Da experiência, ficou a reflexão: “Um conselho que dou pra todo mundo é o cinto de segurança. Ele fez toda a diferença nesse acidente que graças a Deus não envolveu outras pessoas. Foi esse apagão que tive no volante e nada mais.”