Aumento de casos de meningite acende sinal de alerta na área de saúde

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) publicou nota de alerta, por meio do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS/ES), para todos os profissionais de saúde do Estado, devido ao registro de 10 casos confirmados de Meningite Meningocócica do tipo C, com três óbitos no Espírito Santo, entre janeiro de 2021 e 1º de fevereiro de 2022. Também foi publicada a nota técnica (NT) nº 02/2022 que informa sobre as condutas a serem adotadas diante do atendimento de casos suspeitos.

Essa quantidade de casos traz preocupação às autoridades de saúde quanto à sua transmissão e possíveis complicações. Por isso, em Ibatiba, a Secretaria Municipal de Saúde publicou nota à população, na terça-feira (8), para que todos fiquem atentos a sintomas que acometem crianças acima de 1 ano de idade e adultos. Os sintomas são: febre alta, dor de cabeça, vômito em jato e rigidez da nuca, além de irritação meníngea, convulsões e/ou manchas vermelhas pelo corpo.

A Meningite do tipo C e outros tipos da doença podem ser prevenidas com vacina. Por isso, a Secretaria de Saúde de Ibatiba publicou outro comunicado, nesta quarta (9), chamando a atenção da população de que o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece cinco vacinas contra tipos diferentes de Meningite (veja abaixo). Essas vacinas podem ser encontradas na Unidade de Saúde Adilao Almeida de Lima (Nesf), em seu horário de atendimento.

A Secretaria Municipal de Saúde coloca que é muito importante que pais e responsáveis mantenham o Cartão de Vacinação das crianças em dia. “O SUS oferece vacinas para vários tipos de meningite, ou seja, basta procurar o Nesf, aqui em Ibatiba, e colocar a vacinação em dia, caso esteja atrasada, para evitar uma doença que pode trazer complicações e até levar a óbito”, destaca a coordenadora da Vigilância em Saúde do município, Andressa Bonela.

Vacinas contra diversos tipos de Meningite que podem ser encontradas no Nesf de Ibatiba:
– Meningocócica Conjugada C – contra a meningite bacteriana causada pelo meningococo do sorogrupo C – para crianças de 3 e 5 meses, com reforço ao 1 ano de idade.
– Meningocócica Conjugada A, C, W e Y – contra a meningite bacteriana causada pelos meningococos dos sorogrupos A, C, W e Y – para adolescentes de 11 e 12 anos.
– Pentavalente – contra a meningite causada pela Haemophilus influenzae tipo b – para crianças de 2, 4 e 6 meses de idade.
– Pneumocócica conjugada10-valente – contra a meningite causada por 10 sorotipos de Streptococcus pneumoniae – para crianças de 2 e 4 meses, com reforço ao 1 ano de idade.
– BCG – contra a meningite tuberculosa – ao nascer em dose única.

Assessoria de Comunicação PMI