miss-europa-1-2

Modelo de Reduto participará do Miss Brasil Europa

REDAÇÃO  – A jovem modelo Hellen Victória Monteiro Robadel, de 19 anos de idade, natural de Reduto e residente na Europa há dois anos, trilha os caminhos iluminados pelo sonho de ser modelo, e, agora, dá mais um importante passo: ela participará do Miss Brasil Europa 2021.

Filha de Maria Lúcia Monteiro e Edir Claudio Robadel, Hellen mudou-se para a Europa em fevereiro de 2020, quando deixou a família no Brasil para investir na carreira de modelo.

Apesar de anda não trabalhar na área, ela disse que está se preparando e acredita que o sonho pode se realizar agora, com a participação neste concurso Miss Brasil Europa 2021, que acontece ainda este ano. “Através desse concurso eu creio que Deus vai me proporcionar muitas outras oportunidades e vai me trazer muitos conhecimentos! Agradeço a oportunidade de mostrar quem eu sou”, destaca.

A jovem pontuou que desafios como este são enfrentados por ela sempre. De família simples, sempre foi muito sonhadora. “Desde nova sempre gostei de modelar, me chamavam para ser modelo de maquiagem e, particularmente, é algo que eu amo. Mas minha família é humilde e nunca tivemos condições para investir nesse grande mundo da moda”, pontuou.

O interesse pelas passarelas e desfiles em Hellen Victoria vem desde os nove anos de idade. Segundo ela, o mundo da moda e maquiagens sempre chamou muito sua atenção, principalmente através do Salão Central da Beleza em Manhuaçu, Michelli Gomes, onde chegou a ser modelo make up em vários momentos.

Ainda no Brasil, antes de embarcar para a Europa, além dos trabalhos como modelo, Hellen chegou a participar de concursos no Brasil, incluindo na região, realizado em Simonésia.

Na Europa, ficou conhecendo o Concurso Miss Brasil Europa através de uma amiga, se inscreveu e acabou sendo chamada para ser uma das candidatas.

A grande final do Concurso Miss Brasil Europa será realizada no dia 20 de novembro, no Cassino do Estoril, Salão Preto e Prata, em Lisboa, capital portuguesa. Hellen está confiante em uma boa participação. “Acredito que o que for pra ser, será, tenho muita fé em Deus, e que se não for pra ser, isso servirá como aprendizado e abertura para novas oportunidades”, disse, demonstrando agradecimento a toda sua família, principalmente sua mãe que, mesmo de longe, está sempre apoiando em tudo, e, a Deus, por chegar aonde chegou.

 

Portal Caparaó Com informações de Teógenes Nazaré / Cidade Total